Voltar

Dicas para fazer um casamento sem gastar muito

Dicas para fazer um casamento sem gastar muito

É o sonho de muitos noivos fazer um casamento tradicional: igreja, recepção, banda, comidas e bebidas e diversas outras coisas que não podem faltar num casamento como esse. O problema é que, muitas vezes, o custo desse sonho pode ultrapassar o orçamento e é aí que entra a criatividade e o bom gosto de se fazer um casamento sem gastar muito.

Veja agora algumas dicas que vamos te passar para ter o casamento que sempre quis sem ter que extrapolar nos gastos!

Como gastar pouco em um casamento

1. Faça um planejamento financeiro

Antes de qualquer coisa que façamos, precisamos ter um planejamento, ou seja, como vamos chegar ao nosso objetivo. Ter uma média de valores de quanto será gasto com os trajes, quantas pessoas serão convidadas e fazer uma proporção de quanto de bebida e comida será o suficiente para cada convidado é ideal para não correr o risco de ultrapassar o valor reservado para a festa.

2. Diminua alguns gastos

Tente investir em coisas que realmente importam. Por exemplo, a decoração com flores e outras plantas é algo que pode se gastar o mínimo possível. Uma forma de fazer isso é alugar um espaço que já tenha muito verde, assim a parte da decoração fica mais em conta.

A bebida é outro item que costuma gastar muito, portanto, dê preferência às marcas nacionais. Elas são mais baratas e algumas são tão boas quanto às importadas.

3. Faça você mesmo

Sabia que algumas coisas podem ser feitas pelos noivos? Você pode pedir ajuda aos padrinhos e madrinhas e colocar a mão na massa. Uma coisa que pode ser feita pelas suas próprias mãos são os convites.

Faça a arte no seu computador – hoje existem muitos programas para isso – e leve para imprimir na gráfica com o seu próprio papel. Para guardar o convite em si, solte a sua imaginação, existem diversos modelos na internet que gastam muito pouco e são belíssimos.

4. Opte por pacotes

Normalmente, quando alguns serviços são oferecidos em pacotes, eles podem sair mais em conta. Por exemplo, a mesma pessoa que faz a decoração também é a responsável pelo buffet. Além de economizar dinheiro, quanto menos pessoas estiverem envolvidas na organização, mais fácil será para deixar tudo do jeito que você quer.

Outro exemplo é o salão de beleza. Os proprietários costumam dar desconto quando muitas pessoas fazem a maquiagem e o penteado em um só lugar. Muitos locais até promovem o dia da noiva e tanto ela quanto as madrinhas se arrumam em um mesmo local.

 

5. Alugue o vestido

O vestido da noiva é ponto alto do casamento e ele precisa ser exatamente como você sempre quis. Afinal de contas, é essencial que seja o vestido dos sonhos, mas ele também precisa caber no orçamento. Por exemplo, é possível optar por pagar o 1º aluguel, que sai bem mais barato que comprar um vestido novo.

Ainda que não seja o 1º aluguel, estabelecimentos de confiança e que oferecem serviço de qualidade possuem ótimas opções de vestidos em perfeito estado.